The power of root

100% Linux Parte 1

seg 31 março 2014 100% linux / dia / filezilla / geany / keepass / linux / linux mint / moonlight / silverlight / transmission / virtualbox / xchat /

100% Linux Parte 1

Boas pessoal, nesse post vou descrever a minha luta para migrar meu notebook 100% para linux. Bastante coisa já encontrei uma solução para contornar e outras estou na luta ainda, vou tentar descrever abaixa a minha saga =)

Estou usando hoje oLinux Mint 16 em um lenovo g400s touch.

| emilio@Emilio-Lnx ~ $ lspci
|  00:00.0 Host bridge: Intel Corporation 3rd Gen Core processor
DRAM Controller (rev 09)
|  00:02.0 VGA compatible controller: Intel Corporation 3rd Gen Core
processor Graphics Controller (rev 09)
|  00:14.0 USB controller: Intel Corporation 7 Series/C210 Series
Chipset Family USB xHCI Host Controller (rev 04)
|  00:16.0 Communication controller: Intel Corporation 7 Series/C210
Series Chipset Family MEI Controller #1 (rev 04)
|  00:1a.0 USB controller: Intel Corporation 7 Series/C210 Series
Chipset Family USB Enhanced Host Controller #2 (rev 04)
|  00:1b.0 Audio device: Intel Corporation 7 Series/C210 Series
Chipset Family High Definition Audio Controller (rev 04)
|  00:1c.0 PCI bridge: Intel Corporation 7 Series/C210 Series
Chipset Family PCI Express Root Port 1 (rev c4)
|  00:1c.1 PCI bridge: Intel Corporation 7 Series/C210 Series
Chipset Family PCI Express Root Port 2 (rev c4)
|  00:1d.0 USB controller: Intel Corporation 7 Series/C210 Series
Chipset Family USB Enhanced Host Controller #1 (rev 04)
|  00:1f.0 ISA bridge: Intel Corporation HM76 Express Chipset LPC
Controller (rev 04)
|  00:1f.2 SATA controller: Intel Corporation 7 Series Chipset
Family 6-port SATA Controller [AHCI mode] (rev 04)
|  00:1f.3 SMBus: Intel Corporation 7 Series/C210 Series Chipset
Family SMBus Controller (rev 04)
|  01:00.0 Ethernet controller: Qualcomm Atheros AR8162 Fast
Ethernet (rev 10)
|  02:00.0 Network controller: Intel Corporation Centrino Wireless-N
135 (rev c4)

Acima segue o resultado do lspci.

O Linux Mint já vem com bastante coisa instalado como:

  • Firefox (Navegador)
  • Thunderbird (Client e-mail)
  • x-chat (client irc)
  • Pidgin (Comunicador)
  • Transmission (Client Torrent)
  • Gimp (Ótima alternativa ao PS)
  • LibreOffice (Suíte para escritório)

Entre vários outros aplicativos que suprem a necessidade.

Vou citar alguns softwares que instalei:

  • KeePassX (Gerenciador de senhas)
  • Inkscape (Alternativa ao Corel Draw)
  • FileZilla (Gerenciador FTP)
  • DropBox (Armazenamento em nuvem)
  • Skype (Comunicador)
  • Geany (IDE para programação)
  • Virtual Box (Hypervisor)
  • Dia (Desenhos de diagrama)

DIA:Acostumado a desenhar os diagramas de rede com o MS Visio, senti bastante dificuldade migrando para o DIA, mas nada como algumas horas perdidas para adaptar-se com o novo software, senti falta de algumas coisas como o desenhos de racks e computadores, mas da para desenvolver os diagramas sem maiores problemas. O DIA pode ser instalado com o simples comando apt-get install dia

SilverLight:Com esse kra ainda estou tendo problemas, consegui usá-lo. Primeiramente tive dificuldade em localizar a extensão Moonlight para o linux, mas encontrei aqui. É só efetuar o download do xpi, entrar na guia de extensões do firefox, clicar no xpi arrastar e soltar no navegado. Pronto, extensão instalada. O problema está nos codecs de audito, em alguns sites usa os codecs da MS, e nem mesmo eles disponibilizam tais codecs para baixar, então estou na luta para tentar fazer funcionar em alguns sites.

Como o site que preciso acessar funciona só com o silverlight e não consegui resolver o problema dos codecs, mantenho o windows como dualboot e tenho uma Maquina Virtual rodando no VirtualBox para emergencias ;p Mas tenho certeza que deve haver alguma maneira de contornar essa situação.

Outra coisa que o Linux Mint 16 não tem um suporte adequado é o touchscreen, ele funciona apenas com um ponto e funciona como se fosse o ponteiro do mouse, onde eu efectuo o toque é como se o mouse fosse lá e desse um click, o Ubuntu tem um suporte melhor para touch, mas prefiro a filosofia do Linux Mint.

Em outros posts irei colocando as novidades e dificuldades que irei encontrando.

Abraços.

on the top

Comments